Visitas na maternidade

Ontem fiz minha primeira consulta com pediatra, no papel de mãe – mas isso vai me render um outro post, prometo. Em meio à conversa, a médica falou uma coisa SENSACIONAL, que acho que tenho obrigação de compartilhar com vocês. Ela me disse o seguinte: a pior invenção na vida de uma mulher é a tal da visita na maternidade.

Gente! É genial! Eu já desconfiava disso desde que engravidei, mas quando o assunto é abordado por uma médica com mais de 30 anos de experiência, ganho respaldo científico para minha opinião.

Com a proximidade da data do parto – que até agora só Deus sabe qual é – tenho ficado cada vez mais ansiosa e angustiada, e tenho repetido isso aqui várias vezes. Afinal para mamãe de primeira viagem tudo é novo. Vou ter que aprender a lidar com choro, amamentação, vômito, umbigo, cólica e mais um monte de coisas que chegam junto com o bebê. Imagina em meio a tudo isso ter que parar pra servir cafezinho pra visita ou me preocupar em não estar de pijama?

De acordo com a médica – ok, eu também penso isso, mas vou usar o respaldo da profissional – o limite entre ajudar e se intrometer nesse período é uma linha muito tênue. E às vezes na ânsia de ajudar as avós, tias, sogras, primas, vizinhas, amigas acabam por atrapalhar nessa fase de adaptação da nova família que se formou. E vejam bem: muitas vezes independe da proximidade da visita com a mãe ou pai. A pessoa que visita – principalmente as que chegam dando muito palpite, muito conselho sem ser solicitado, acabam atrapalhando. Isso vale pra  QUALQUER PESSOA. Já falei isso em outros textos, todo mundo tem um super conselho pra grávida, e imagino que pra mãe de recém-nascido seja ainda pior. Só que ouvir palpite de gente que tem experiência no assunto, já é um saco, imagina de quem não entende bulhufas do que está falando!

Não sou uma pessoa cheia de dedos, e me conhecendo bem, já antecipo que existe a possibilidade de eu acabar sendo grosseira com quem quiser nos visitar no período pós-parto. Em minha defesa, meus hormônios estarão um turbilhão, não estarei dormindo bem e estarei nervosa por não saber muito bem como proceder com o baby. Mas não custa já avisar que prefiro visitas em casa, incluindo de familiares.

Eu entendo que meu pequeno é um bebê muito bem vindo, um anjo que abençoa nossas vidas e tudo o mais. Mas antes de ele conhecer o mundo, ele precisará conhecer mamãe e papai, e não sabemos como será nossa adaptação. Portanto, mais uma vez, adianto aqui que todas as visitas serão muito bem vindas, amaremos toda demonstração de carinho e afeto, mas só depois de 15 ou 20 dias, e com visitas comunicadas antecipadamente e super rápidas. Antes disso, qualquer um corre o risco de ver a mamãe aqui pirando.

 

 

 

leiam mais sobre o assunto:

 

As 10 regras de etiqueta para visitar um recém-nascido na maternidade ou em casa!

 

 

Anúncios

3 opiniões sobre “Visitas na maternidade

  1. Meu pai me contou que quando me trouxeram pro quarto pra eu mamar pela primeira vez, ele expulsou todo mundo do quarto pra ficar só ele, minha mãe e eu curtindo o momento.

    Acho que não precisa a família inteira em cima desde um primeiro momento… possivelmente queiras/precises de alguém além do Fernando por perto em alguns momentos, mas isso só vais descobrir na hora… e talvez não. Por isso é bom as pessoas esperar serem convidadas.

  2. Vc esta enganada… E muito melhor visitas na maternidade. Quem vai lá, fica pouco tempo e nao espera tomar Cafe colonial! Além disso, e só apertar uma campainha que vem a enfermeira. Esta tudo calmo, o bebe esta calmo, vc tem mordomias.. E muito melhor na maternidade!!!

    • oi Eliane
      agradeço seu comentário.
      claro que todos os textos sãobaseados na minha experiência e opinião, e por enquanto continuo preferindo que as pessoas me visitem em casa, depois de alguns dias.
      obrigada pelo comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s