Coisas que ninguém me contou

Ninguém me contou que quando meu filho nascesse, eu sentiria dores nos braços e costas e nao me importaria de segurá-lo só mais um minutinho, pelo simples prazer de olhar a carinha dele.
Ninguém me contou que aquele cochilinho pós mamada nas madrugadas seria o momento de maior amor e intimidade da minha vida.
Ninguém me contou que o cocô do meu filho ou a falta dele seriam minha maior preocupação durante dias e me renderiam tantas conversas.
Não me contaram que as fofocas da balada e dos peguetes das minhas amigas perderiam espaço totalmente para conversas sobre cólicas, chupetas, fraldas e amamentação.
Não disseram que eu amaria passar horas conversando com alguém que ainda nao sabe falar.
Não me disseram que duas horas longe do meu filho seriam uma eternidade e que eu morreria de saudade.
Ninguém disse que, depois de ter sonhado em conhecer o mundo e ter viajado para algumas das maiores cidades do mundo, meu universo ficaria completo num quartinho de paredes verdes.
Ninguém me disse que uma chupeta e uma mamadeira mudariam e salvariam minha vida.
Ninguém me disse que eu me tornaria neurótica com roupinhas sujas.
Ninguém disse que eu nem perceberia um vômito na minha blusa quando meu filho estivesse com dor.
Ninguém me disse que eu passaria todos os dias por intensos testes cardíacos e nem que ficaria sem ar de tanto amor.
Ou talvez alguém tenha dito, mas eu não acreditava que era verdade.

Anúncios

Carta para João Otávio

Meu filho amado

Tenho tido uma certa dificuldade em dizer em voz alta muitas das coisas que eu queria que você soubesse desde já. Mas entenda que a mamãe consegue expressar melhor o que sente escrevendo, então aqui vai uma carta para você saber tudo o que eu quero te dizer.

Desde que soube da sua chegada, você se tornou a pessoa mais importante da minha vida e tenho me preparado para ser uma mãe maravilhosa. Mas por favor, tenha paciência comigo: muitas vezes eu vou errar, ficar impaciente e não terei muita ideia do que realmente tenho que fazer para ser a melhor mãe que você merece ter.

Posso ser desajeitada, esquecida, atrapalhada, mas te garanto boas  risadas e um certo divertimento nas horas em que você não se incomodar com minha distração.

Vou te ensinar meus valores, te educar  e garantir que você esteja protegido, para que saiba fazer boas escolhas. Em alguns momentos, vou ser rígida e meio durona. Mas entenda que, nesses  momentos, minha dureza e pulso firme serão minha maior prova de amor.

Em outros momentos, vou deixar você cair  e você vai se machucar. Mas isso te ensinará que a vida é isso: um eterno cair e levantar e que as
feridas cicatrizam. E depois de cicatrizadas, nos deixam mais fortes e corajosos, além de aprender que, apesar das quedas, a vida é sempre um espetáculo a ser vivido. Ah! E eu sempre estarei lá  pra te ajudar a levantar, para que você saiba que nunca estará sozinho.

Vou te colocar para dormir, ninar teu sono, te levar pra passear e  aproveitar todo o tempo que estivermos juntos para que você valorize estar com sua família, e que ame isso!

Vou ler histórias e te ensinar o quanto os livros fazem diferença na nossa vida. E vou te deixar andar de skate, bicicleta, subir em árvores, pra saber que a vida pode ser uma aventura.

Vou incentivar teus sonhos, ouvir tuas opiniões e argumentos, te ajudar a ser quem você queira ser daqui a uns anos, mesmo que isso não seja exatamente o que eu quis pra você. Aliás, o que eu quero realmente é que você seja um filho amoroso, tranquilo, uma pessoa de caráter, boa índole, honesto e com bons valores – tudo o que eu e seu pai somos e nossa maior herança pra você.

Vou te defender e proteger sempre, mas vou te deixar aprender que muitas vezes somos nós quem precisamos defender a nós mesmos.

Quero que saiba que foi um bebê muito esperado e abençoado desde o início, tanto pelo papai e mamãe, quanto pelos vovôs e vovós e seus tios e tias. Sua chegada é uma grande emoção pra gente e estamos te esperando, muito gratos por você  ser parte dessa família, que não é perfeita, mas que já te ama demais.

E o mais importante de tudo: quero te dizer que você é a soma de duas pessoas que se (e te) amam muito. Vamos te amar mais a cada dia, com todas as nossas forças e vamos fazer tudo o que pudermos para sermos o nosso melhor, mesmo que às vezes você ache que deveríamos ter feito diferente.

Um grande beijo!
Mamãe.